Follow by Email

sexta-feira, novembro 7

Vestindo Prada

Eu estou sempre ouvindo de alguma amiga (conhecida, colega de
trabalho, transeunte) que está só porque não há homem disponível no
mercado amoroso, como diria o meu professor Wilson Gomes. Homem até
que tem, mas não ao nível capaz de preencher as exigências mínimas das
singles. Afinal, como o sexo feminino está se preparando cultural e
profissionalmente cada vez melhor, não dá para aceitar qualquer
bagulho roncando a noite toda do seu lado. (Na minha concepção,
qualquer homem já é um bagulho, mas nesse campo essa opinião não tem
nenhuma prevalência, senão para as meninas que preferem meninas).
Toda essa conversa é puxada ao que vi hoje pela manhã, logo cedo, ao
abrir o site do Terra. Na primeira página está estampado a manchete
"saiba porque no que as solteiras estão errando". Pensei que viesse um
longo tratado comportamental, desses tipo auto-ajuda, tão em moda na
literatura. Mas nada. O assunto mesmo destacado, é bem resumido. Aqui
transcrevo-o. O lero não merece mais que 949 caracteres :

"Se você ainda não tem seu par, o que precisa fazer é dar o primeiro
passo, ou seja, conquistar alguém. No entanto, as solteiras reclamam
que está cada vez mais difícil conseguir um companheiro.

Para a psicóloga Suzy Farão, a individualidade feminina é algo que
atrapalha no desejo de construir uma relação. "A independência chega a
tal ponto que as mulheres não querem misturar suas coisas", explica.

Outro obstáculo é o alto grau de exigência. "Já pensei se não estou
sendo exigente demais. Mas se tiver que abrir mão do que gosto para
ficar com alguém, prefiro ficar do jeito que estou", conta a
jornalista Mariana Scherma, 23 anos. "E como estou de bem com minha
solteirice, não me contento com o primeiro que aparece", completa.

"Um conflito que percebo é que as mulheres desejam uma independência,
lutam por ela, e quando pensam em relacionamentos ou estão competindo
ou ainda sonham com o homem ideal", define a também psicóloga Sueli
Castillo.

Mariana acredita que a justificativa que relaciona a carreira com a
falta de tempo para um relação é infundada. "Isso, na minha opinião, é
desculpa para quem quer continuar solteiro", diz.

3 comentários:

Daniel Aderaldo disse...

Rapaz, já recomendei este texto para colegas, amigas e transeuntes.

www.jotelog.cl/jornalintimo disse...

prefiro não comentar sobre o assunto. :P

fabreu disse...

Para quem quer ter uma relação bacana, sem muito lero, é só despir o outro do perfil desejado. A gente cria e inventa a pessoa que não existe e quando aparece o ser real, queremos modificá-lo, sem ao menos nos dar ao trabalho de conhecer a personagem em questão